70 ANOS DA HISTÓRIA DA CHEMET

PRIMEIROS ANOS DA EMPRESA

1940-1945

A fábrica de máquinas alemã “SEIFERT” abre nas atuais instalações de produção da CHEMET a sua unidade de produção subsidiária que se especializa na produção de tubagens a partir de tubos sem costura e tubos soldados, leves estruturas de aço e tanques.

 

1945-1968

Após a guerra, a Fábrica Estatal de Máquinas focou-se na produção de tubagens soldadas e curvadas. A partir dos anos 50 o perfil de produção da empresa começou a evoluir gradualmente rumo ao equipamento químico - tanques e refrigeradores de amoníaco, tanques de salmoura, permutadores de calor e refrigeradores inter-etapas. Em 1955 a fábrica começou a exportar os primeiros fornecimentos de equipamento industrial à União Soviética, China e Coreia. A partir de 1961 a empresa focou-se exclusivamente na produção do equipamento químico.

DESENVOLVIMENTO RÁPIDO

1968-1975

A empresa muda o nome para Empresa de Produção de Aparelhos Químicos CHEMET e em breve começa a maior modernização das suas instalações, isto é, o arranque da linha tecnológica para a produção de tanques transportáveis destinados ao cloro líquido, entre outros.

 1976-1990

A CHEMET obtém várias aprovações e certificados internacionais, inclusive TÜV Hannover para a produção de tanques transportáveis de cloro, amoníaco e freon. A empresa assina igualmente um contrato de licença com a ABB LHT para a produção de refrigeradores de ar. 

 ÉPOCA DE GPL

1990-1991

O incremento dinâmico de procura de tanques de superfície de GPL na Alemanha contribui para o alargamento da oferta da CHEMET. A empresa consegue obter todos os certificados indispensáveis para a exportação dos tanques de GPL para o mercado alemão.



1992-1993

A CHEMET obtém o certificado americano do sistema de qualidade ASME U-stamp que permite a produção de caldeiras e vasos de pressão. Ao mesmo tempo arranca a produção de tanques de GPL para o mercado polaco, de acordo com os requisitos da UDT (Serviço de Vigilância Técnica). Transformação da empresa na sociedade anónima Z.A.Ch. CHEMET S.A.

1997-1999

A empresa é premiada com o certificado de qualidade ISO 9001 emitido pela Lloyd's Register Quality Assurance Ltd. Conclusão do investimento em Strzybnica - inauguração da unidade de produção de tanques de superfície de GPL e subterrâneos, capaz de produzir 8000 unidades por ano. Início do programa de reestruturação da Sociedade.

DÉCADA DE MUDANÇAS E INOVAÇÃO

2002

Privatização da sociedade e conclusão do processo de reestruturação. Implementação de produção em série de postos de abastecimento de GPL modulares em cooperação com a EMGAZ Sp.zo.o.

 2003-2004

Desenvolvimento rápido de produção de tanques de cisternas ferroviárias de GPL, cloro, amoníaco e outras substâncias químicas. Início de produção em série de postos de GPL para veículos.

2005

Implementação do sistema informático integrado SAP R/3, classe ERP II.

2008-2010

Realização de um projeto científico e pesquisas em cooperação com a NOT (Organização Principal Técnica) e a Universidade Politécnica de Cracóvia em matéria de desenho e produção de um ISO contentor criogénico destinado ao transporte de GNL e gases atmosféricos, oxigénio, árgon e nitrogénio.

Arranque da linha de montagem para a produção de tanques de cisternas ferroviárias em aço inoxidável.

Construção dos primeiros postos modulares de GPL para veículos na República da África do Sul e entrada para o mercado russo e dos países do Próximo Oriente com os tanques de GPL.

2011

Realização de projeto científico e pesquisas em cooperação com a NOT e a Universidade Politécnica de Cracóvia em matéria de desenho e produção de séries de tanques estacionários criogénicos destinado ao transporte de GNL e gases atmosféricos. Início, como a primeira empresa da Polónia, de produção de instalações completas de tanques de GNL (estado de regaseificação).

2012

Construção dos primeiros postos de regaseificação de GNL em Bukowina Tatrzańska e Białka Tatrzańska. Só no primeiro ano foram colocadas em funcionamento 4 postos de regaseificação na região de Podhale (sul da Polónia).

2013 

Conclusão do processo de conceção, produção e certificação da primeira cisterna ferroviária completa para gases hidrocarbonados (por ex. propano, butano, GPL e as suas misturas) com a capacidade de 112 m3.

2015

Transferência do Departamento de Produção Exterior para a Rua Zagórska 167 em Tarnowskie Góry.
Na nova localização arrancaram as linhas de produção dos tanques de GPL e tanques de cisternas ferroviárias.